Piatã FM 94,3 - A Rádio da Gente

CLIQUE E OUÇA Agora na Piatã FM -

Saúde   04 de Dezembro de 2018 - Publicado às 17:41

Famosos se sensibilizam após morte de cachorro em supermercado

Tatá Werneck, Giovanna Lancellotti e Solange Couto fizeram campanha nas redes sociais

Um cachorro que circulava por um hipermercado Carrefour em Osasco, foi espancado até a morte por um segurança do local. O animal morreu após ser recolhido pelo Departamento de Fauna e Bem Estar Animal da cidade.

Após a repercussão do caso, o órgão municipal divulgou comunicado dizendo que o pet deu entrada no local com sangramento, pressão baixa, mucosas anêmicas, hipotermia intensa, vômito com sangue e escoriações múltiplas.

No Facebook, o Carrefour respondeu comentários dos internautas que cobraram um posicionamento oficial.

“O Carrefour repudia qualquer tipo de maus-tratos. Afastamos a equipe responsável pela segurança do local no dia do ocorrido até que a apuração do caso seja finalizada e as devidas providências tomadas. Assim que vimos o animal, ele foi acolhido e alimentado por nós até que a Zoonoses chegasse para o atendimento”, diz o texto publicado na página.

Mais tarde, a marca deu outra versão dos fatos em comunicado oficial:

“Nossa apuração preliminar apontou que o cachorro estava circulando pelo estacionamento havia alguns dias. O Centro de Zoonoses de Osasco foi acionado por diversas vezes, mas não recolheu o animal. No dia do incidente, clientes se queixaram sobre a presença do cachorro, e, novamente, o órgão foi acionado.

Um funcionário de empresa terceirizada tentou afastá-lo da entrada da loja e imagens mostram que esta abordagem pode ter ocasionado um ferimento na pata do animal. O Centro de Zoonoses de Osasco foi acionado novamente e compareceu ao local para recolhê-lo. No entanto, no momento da abordagem dos profissionais do órgão para imobilização, o cachorro desfaleceu em razão do uso de um ‘enforcador’, tipo de equipamento de contenção.

Delegacia especializada de Osasco (D.I.I.C.M.A.) abriu inquérito e está investigando o caso. Estamos colaborando com as autoridades, disponibilizamos todas as informações e imagens para que o fato seja solucionado.”

Confira as manifestações:


 
 
 
 
Visualizar esta foto no Instagram.
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Como vcs devem estar acompanhando pelas notícias, um cachorro foi espancado e morto por um funcionário dentro do @carrefourbrasil. Quando vamos entrar na página e reclamar, eles enviam respostas prontas, copiadas e coladas , dizendo que repudiam esse ato. SE REPUDIAM mesmo, sugiro que agora aproveitem essa “chance” (não sei que palavra usar aqui) para assumirem uma responsabilidade pelo ato dentro de suas empresas. Se estão tão chocados quando nos, aproveitem essa crueldade para fazerem a diferença. Comecem a ajudar ONGs que cuidam de animais abandonados. Comecem a doar alimentos para cuidar desses bichos. Parem de dar respostas prontas e sejam “humanos” pelo menos agora. Eu fico imaginando que esse cachorro poderia estar na minha casa cuidado com Todo amor , como o Nino (que teve a perna arrancada) ou a Penélope (que cegaram) ou como meus 13 gatos de rua. Existem MUITAS pessoas cuidando de animais abandonados. Mas ainda sim são muitos que precisam. E aí @carrefourbrasil ? O que vão fazer? E nós? Vamos fazer algo juntos?

Uma publicação compartilhada por Tata Werneck (@tatawerneck) em




laura neiva cachorro carrefour

solange couto morte cachorrinho supermercado osasco





Fonte: Catraca Livre


VEJA TAMBÉM

ÁUDIOSEspecial Piatã FM - ImaginaSamba