Piatã FM 94,3 - A Rádio da Gente

CLIQUE E OUÇA Agora na Piatã FM -





Piatã Notícias

Apresentado por
Edie Santos

O PROGRAMA

Aqui o ouvinte fica sabendo os acontecimentos do dia, informações do trânsito, política, segurança, economia, além de ouvir os sucessos musicais do momento. Apresentação de Léo Fera aos sábados.

Segunda a sábado, das 6 às 9 horas

13 pessoas acompanham este programa

SEGUIR

Notícias   17 de Julho de 2017 - Publicado às 06:08

Cartão Reforma vai beneficiar 170 mil pessoas até o fim de 2018

Benefício é voltado a famílias com renda mensal de até R$ 2,8 mil para financiar reformas e alterações em casa, sem necessidade de pagamento ao governo

Facebook twitter gplus email whatsup
Com o benefício do Cartão Reforma, até 2018, cerca de 170 mil famílias poderão reformar, ampliar e até mesmo concluir suas moradias. Os valores repassados pelo programa foram divulgados nesta sexta-feira (14). 

Os beneficiários, que devem fazer parte de famílias com renda mensal de até R$ 2.811, poderão usar o cartão sem a necessidade de retorno ao governo. 

O site do programa reúne informações aos interessados em participar e aos vendedores de materiais de construção e apoiadores.

Valores

O Ministério das Cidades definiu que, para ampliação de residências com mais de três moradores, o benefício a ser repassado será de R$ 8.048,18. Para esgotamento sanitário, o valor será de R$ 1.645,88, no máximo; e, para construção de banheiro exclusivo, o valor é de R$ 5.009,84.

Para complementação de instalações elétricas, hidrossanitárias, pintura, forros e outros tipos de revestimentos, o valor disponibilizado será de R$ 7.000,21, pois entra no quesito de conclusão de obra. Nessa categoria também está incluso a adaptação do imóvel para acessibilidade.

No fim de junho, por meio de outro decreto, a pasta determinou as condições para o recebimento do benefício, validade de um ano do cartão e recebimento parcelado dos valores.

Critérios de participação

O participante precisa ser maior de 18 anos ou emancipado, residir no local da reforma, em área regularizada, e deverá ficar responsável pela mão de obra. Ele poderá receber o benefício mais de uma vez, desde que o total não exceda R$ 9.646,07.

É necessário ainda possuir linha de telefone celular para recebimentos de SMS, pois o imóvel receberá visitas constantes de profissionais da área técnica para vistoria. Imóveis em precariedade, como os formados por taipa não revestida, madeira aproveitada e palhas, não serão cobertos pelo programa.






Fonte: Portal Brasil / Foto: Divulgação

VEJA TAMBÉM


Comentários 1

  • 2 meses atrás Edy Bahia Santana, Praia Grande

    Preciso dessa ajuda

    Denunciar

AGORA NO CLUBE PIATÃ


ÚLTIMOS RECADOS

93134 pessoas já estão fazendo parte.

CADASTRE-SE