Piatã FM 94,3 - A Rádio da Gente

CLIQUE E OUÇA Agora na Piatã FM - Bom Dia Amizade

Entretenimento   24 de Abril de 2017 - Publicado às 10:07

Cid Moreira participa de Talk Show em Salvador

Cid Moreira, apresentador

O Talk Show Carreiras & Oportunidades convidou o apresentador de TV Cid Moreira, famoso pela voz inconfundível e pelos quase 30 anos em que esteve à frente da bancada do Jornal Nacional da Rede Globo, para falar sobre As Experiências de Uma Carreira de Sucesso. O evento acontecerá no dia 9 de maio, às 19h, no Hotel São Salvador, localizado no Stiep, em Salvador. Em entrevista ao Grupo A TARDE, Cid Moreira falou sobre os assuntos que serão abordados no evento, sua trajetória profissional e as possibilidades de carreira no mercado de comunicação.

Como foi para você vivenciar as mudanças com a era digital nos meios de comunicação?

Na minha época era tudo analógico, "sofri" com todas essas evoluções e ainda estou me adaptando à era da internet e aos novos meios, atualmente utilizo bastante o YouTube. Hoje em dia a tecnologia facilita bastante a busca de informações, não precisamos recorrer ao dicionário físico para tirar uma dúvida.

A era digital veio complementar o mercado de comunicação ou representa um risco à existência das mídias tradicionais, como o jornal impresso?

Acredito que as mídias se complementam e vão ter sempre o seu lugar. Com o tempo haverá uma acomodação, assim como aconteceu quando surgiu a televisão e já existia o rádio. As mudanças da era digital têm uma relação direta com as necessidades do telespectador, que estão sempre mudando.

Os jovens sofrem muita pressão para escolher uma profissão, para ter uma carreira de retorno financeiro rápido. Diante disso, em que medida a análise de mercado deve pesar na escolha profissional?

Todo jovem passa por isso independentemente da geração em que viva. Mas a escolha profissional deve estar relacionada com o que a pessoa gosta de fazer, com o dom que Deus concedeu, o retorno financeiro é uma consequência disso. O profissional se destaca no mercado quando sente prazer pela função que desempenha.

Qual o seu segredo para fazer escolhas de carreira e para ter qualidade de vida?

O essencial é acreditar no seu dom, naquilo que sabe e gosta de fazer. Me formei em contabilidade, mas continuei trabalhando na rádio e fui aperfeiçoando meu dom para a comunicação. Quanto à qualidade de vida, as pessoas precisam ter um compromisso com a saúde permanente, atento a uma alimentação saudável.

Hoje em dia, fala-se muito sobre o conceito de carreira contemporânea voltada para o autodesenvolvimento, o que isso significa?

É manter o constante aprendizado, investindo no desenvolvimento e aperfeiçoamento profissional e pessoal. Faço isso naturalmente, agora por exemplo estou estudando poemas de autores nacionais e internacionais para um projeto futuro, pois busco sempre projetos que se agregam ao meu dom.

Como você enxerga a questão da competição no mercado de trabalho?

A competição existe em tudo, sempre tem alguém querendo ser melhor ou desejando se superar. Mas a melhor competição é a que visa se automelhorar. Ver no outro um exemplo de profissional, analisar o que pode aprender com ele, o que vale incorporar o seu modo de trabalho. Destacar-se profissionalmente é saber o valor de vivenciar experiências e compartilhá-las, ouvindo sempre quem tem mais conhecimento que você.

E quanto às perspectivas atuais para o mercado de comunicação, o que tem a dizer?

O país está em um momento difícil, precisamos torcer para as coisas melhorarem e se regularizarem. E não acho que os empregos formais na área de comunicação vão acabar, é apenas uma fase ruim. Nesse momento, o importante é ir se aperfeiçoando para o mercado e se dedicar às oportunidades de trabalho e aprendizagem que tiver acesso.


Fonte: A Tarde / Foto: Divulgação


VEJA TAMBÉM

ÁUDIOSEspecial Piatã FM - ImaginaSamba